Pouco se sabe sobre Pânico 5, novo filme que servirá como sequência e reboot da franquia criada por Wes Craven. E, segundo David Arquette, dar spoilers do filme pode ter consequências mortais.

Em entrevista à Associated Press, o ator brincou que seu contrato com o estúdio inclui uma cláusula que diz que o assassino Ghostface invadirá sua casa se ele entregar alguma coisa sobre o longa – veja abaixo (via Comicbook):

É um contrato bem intenso, então não sei sobre o que eu posso falar”, disse Arquette, rindo. O ator ainda elogiou o roteiro de James Vanderbilt e Guy Busickpara Pânico 5 e os cineastas Matt BettineelliOlpin e Tyler Gillett, que dirigirão o longa.

Dirigido por Wes Craven, Pânico foi lançado em 1996 e é um clássico do terror por brincar com os diversos clichês do gênero e subverter as expectativas do público com as fórmulas já gastas deste tipo de filme. Quando comandou o primeiro filme, Craven já era conhecido no circuito por ter dirigido A Hora do Pesadelo e episódios de Além da Imaginação. O longa teve três sequências, a última delas em 2011.