JK Rowling continua sua campanha para ajudar os fãs a ficarem em casa durante o período da pandemia do coronavírus. Após liberar cópias digitais dos livros da saga Harry Potter para o mundo todo, a escritora atendeu a um pedido de um seguidor brasileiro em seu Twitter e pediu para que seus seguidores do Brasil fiquem dentro de casa.

Como bem lembrou Rowling, mesmo sem apresentar sintomas, as pessoas podem se tornar vetores do vírus e contaminar membros do grupo de risco – veja abaixo:

Primeiro livro da série, Harry Potter e a Pedra Filosofal foi publicado originalmente em 1997, sendo adaptado para os cinemas em 2001. Ao todo, a franquia conta com sete livros, dez filmes e uma peça de teatro.