Harry Potter, desde seu lançamento tem se mantido no topo dos livros mais lidos em todo o mundo. A saga completa 20 anos que chegou ao Brasil. Criada pela escritora britânica J. K. Rowling, seu primeiro exemplar foi publicado em 1996 pela Bloomsbury no Reino Unido. [via Lorena Bueri R7]

Assim, dona de uma franquia fantástica, o Mundo Bruxo é sucesso mundial. Com dois parques temáticos, uma vasta lista de objetos e acessórios, decerto o Wizarding World tem sido o portal que mais cresce no mundo.

Após duas décadas de história no país, estudiosos, fãs, pesquisadores e criadores potterheads não iriam deixar essa data passar. A saga ainda marca gerações de leitores. Há os que retomam os livros para relembrar de cenas significativas e há os que têm o primeiro contato com a história.

Conforme uma pesquisa realizada pelo Nexo Jornal, a pandemia atual do coronavírus tem incentivado e aumentado o número de leitores. Editoras, como a Rocco, responsável em trazer a saga para o Brasil, afirmam que o número de vendas teve um aumento significativo.

Rowling foi capaz de elevar a um novo patamar a literatura infanto-juvenil. Graças a Harry Potter, livros desse gênero literário ganharam destaques entre o público. Sendo assim considerada a primeira história a ser lida tanto por crianças, quanto por adultos.

Cena de Harry Potter e a Câmara Secreta. (Foto: Reprodução/Warner Bros Pictures)

Atualmente, a MagicCon é uma espécie de encontro anual do Mundo Bruxo. Esse ano, por conta da quarentena, ela será realizada em forma de live. Serão dois dias de lives, organizados pelo grupo Alohomora. “De portas abertas para o Mundo Bruxo” a equipe pretende trazer temas atuais ligados à saga.

Afinal, o sucesso da saga dá-se por conta da sua constante novidade que a cada semestre surge. Assim, sempre aparecem novos produtos e novas histórias. A própria Rowling continua atualizando seus fãs potterheads através de seu portal oficial, o Wizarding World.

Por fim, a live acontecerá nos dias 23 e 24 de maio, a programação foi postada no twitter. Seguirá também o esquema de doações destinadas às vítimas do coronavírus. A parceria será feia pelo Mesa Brasil.

J. K. Rowling, um fenômeno mundial

Capa da primeira edição de Harry Potter e a Pedra Filosofal. (Foto: Reprodução/Bloomsbury)

A saber, Rowling foi recusada por 12 editoras quando apresentou seu primeiro manuscrito: HP e a Pedra Filosofal. No entanto, tornou-se a primeira bilionária escrevendo e vendendo livros. Além disso, pelo fato de ser mulher, quebrou paradigmas sociais rompendo preconceitos em relação a escritoras.

Afinal, seus quatro primeiros livros mantiveram-se em primeiro lugar de vendas em todas as livrarias por meses. Depois do Reino Unido, seus livros chegam aos Estados Unidos. A história começou a ser referências em longas e programas de TV.

Por fim, também dona de uma filantropia que ajuda pessoas que sofrem esclerose múltipla. Em 2019, Rowling deixa o posto da escritora mais rica ao dispor de grande quantia para sua obra social. A “Lumos” cuida de pessoas com esclerose múltipla, a mesma doença que sofreu sua mãe.

Confira um esboço da linha do tempo da saga:

1965: Nasce J. K. Rowling em 31 de julho.

1990: Rowling, à época uma professora de inglês em Portugal, tem a ideia para a história que se tornaria “Harry Potter” durante uma viagem de trem.

  • Curiosidade: Já desde o início, Rowling sabia que a história se passaria em sete anos. Seriam sete livros, mesmo antes de escrever o primeiro. Ela, ainda escreveu o último capítulo, do último livro, antes mesmo de concluir o primeiro.

1995: J.K. Rowling finaliza o manuscrito de Harry Potter e a Pedra Filosofal.

1996: Depois de ser recusado por 12 editoras, o livro é comprado pela Bloomsbury.

1997: É lançado Harry Potter e a Pedra Filosofal. Orientada pela editora, Rowling esconde sua identidade atrás das iniciais “J. K.”, pois, acreditava-se que nenhuma criança leria uma história escrita por uma mulher. Seu segundo nome é homenagem à sua avó, Katlheen.

1998: A editora Scholastic compra os direitos do livro para a publicação nos EUA.

Lançamento de Harry Potter e a Câmara Secreta.

Warner Bros. Pictures compra os direitos de adaptação dos dois primeiros livros.

1999: Lançamento de Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban. O terceiro livro da saga foi um dos mais difíceis para Rowling. Sendo pressionada pela editora que cobrava dela uma nova história, Rowling teve que conviver com o luto, pela morte de sua mãe. Vivendo uma depressão profunda, a autora transfere esse sentimento de dor e tristeza para a saga. Cria os “Dementadores” criaturas que sugam toda felicidade humana. Visão clara do que é uma depressão. A cura é a lembrança de uma memória feliz.

2000: Lançamento de Harry Potter e o Cálice de Fogo.

Em 2000 a saga chega ao Brasil

Enfim, nesse ano de 2000, a saga chega ao Brasil. Através da Editora Rocco, Harry Potter e a Pedra Filosofal é lançado no país.

Capa da primeira edição brasileira. (Foto: reprodução/Rocco)

2001: Lançamento do filme Harry Potter e a Pedra Filosofal

2002: Lançamento do filme Harry Potter e a Câmara Secreta

2003: Rowling lança Harry Potter e a Ordem da Fênix. O quinto livro da saga e o maior de toda a série, com 766 páginas na edição britânica. Cerca de 5 milhões de cópias foram vendidas no dia do lançamento apenas nos EUA, um recorde à época.

2004: Lançamento do filme Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban

2005: Rowling lança Harry Potter e o Enigma do Príncipe.

Lançamento do filme Harry Potter e o Cálice de Fogo.

2007: Rowling lança Harry Potter e as Relíquias da Morte. O último livro da saga.

Lançamento do filme Harry Potter e a Ordem da Fênix.

2009: Lançamento do filme Harry Potter e o Enigma do Príncipe.

2010: Lançamento do filme Harry Potter e as Relíquias da Morte, parte 1.

Então, inaugura-se a área temática “The Wizarding World of Harry Potter” no complexo de parques da Universal em Orlando, na Flórida.

2011: Lançamento do filme Harry Potter e as Relíquias da Morte, parte 2. O longa surpreendeu o público, estando em primeiro lugar até 2015, quando Star Wars, o Despertar da Força assume a primeira posição.

Animais Fantásticos é a volta do Mundo Bruxo

Animais Fantásticos e Onde Habitam. (Foto: Reprodução/Warner Bros Pictures)

2016: Estreia do filme Animais Fantásticos e Onde Habitam, ambientado no mesmo universo, com Rowling assinando os roteiros.

Assim, estreia a peça de teatro “Harry Potter e a Criança Amaldiçoada”, escrita por Jack Thorne, com o aval de Rowling. O espetáculo conta a história dos filhos de Harry, continuando a saga do mundo bruxo

Posteriormente, temos a inauguração da área temática “The Wizarding World of Harry Potter” no complexo de parques da Universal em Los Angeles, na Califórnia.

2018: Estreia do filme Animais Fantásticos e os Crimes de Grindelwald.

2020: Início da produção do terceiro filme da série “Animais Fantásticos”, que será ambientado no Rio de Janeiro na década de 1930. O longa chegará aos cinemas em novembro de 2021 e ainda não tem título revelado.

J. K. Rowling e sua influência na cultura literária e pop

Todavia, quando Kevin Feige esteve na Comic Com de San Diego em 2019, ele disse que o que o inspirou construir o MCU foi ver o que a Rowling fez com sua saga. Ele disse que “viu que era possível fazer no cinema algo sequenciado e perfeitamente ligado”.

Assim, hoje, Rowling mantém através de seu twitter e seu portal na internet um contato próximo a seus fãs.

A saber, os livros de Harry Potter estão voltando com toda a força para a lista dos mais vendidos. O New York Times classificou HP e a Pedra Filosofal como o terceiro livro mais vendido no último mês.

Harry Potter 20 anos

Programação dos dois dias de live da MagicCon. (Foto: Divulgação/Instagram @alohomora)

Sem dúvida, o período de pandemia inspirou formas novas de nos manter próximos. Rowling criou o Harry Potter em Casa que está sendo um sucesso em seu portal Wizarding World.

Por fim, fãs têm sido surpreendidos com a nova empreitada do portal. O primeiro livro terá todos os seus capítulos lidos por atores da saga. O primeiro capítulo, “O Menino-Que-Sobreviveu” foi lido por ninguém menos que Daniel Radcliffe.

Portanto, vozes como Bonnie Wright, Eddie Redmayne, David Beckhan e outros também foram confirmados.