Chadwick Boseman se aprofundou para dar vida ao rei de Wakanda, T’Challa. Seu agente Michael Greene, disse que a Marvel Studios planejava que o personagem de Pantera Negra falasse com sotaque sul-africano.

“Depois que ele foi contratado ele disse ‘eu só vou fazer isso com sotaque africano’. E eles falaram ‘Bom, não, nós queremos sul-africano'”, relembrou Greene. O ator então insistiu: “‘Eu sou o rei da África. Eu usarei os costumes pelos quais nós lutamos e lutamos’. Era esse tipo de detalhe, ele sempre falava ‘eu me certificarei de que tudo esteja apropriado, de que estamos contando a história deste modo”. 

Greene também revelou que, Boseman recusou uma grande oferta de se tornar o rosto de uma marca de bebidas alcoólicas: “Ele disse ‘Eu não posso, porque como posso mostrar para pequenas crianças negras que elas podem ser super-heróis e depois fazer isso?'”.

Boseman, ficou conhecido por interpretar o rei de Wakanda, T’Challa, nos cinemas, morreu aos 43 anos, vítima de um câncer de cólon.