A Bad Robot e o fundo familiar de Katie McGrath e JJ Abrams anunciaram uma doação de US$ 10 milhões para organizações antirracistas nos Estados Unidos. A novidade foi revelada através do Instagram da produtora, que ressaltou a importância de grandes empresas lutarem por uma sociedade mais igualitária. A iniciativa acontece em meio à uma onda de protestos contra a brutalidade policial contra cidadãos negros nos Estados Unidos causada pelo assassinato de George Floyd. veja abaixo o comunicado completo:

“Chega é chega. Chega de brutalidade policial. Chega de privilégios desmedidos. Chega de falar educadamente. Chega de conforto branco. Chega de oportunidades desiguais. Chega de esgotar nossos amigos e colegas. Chega de ser indiferente. Chega de ser não intencional. Chega de injustiça. Chega de mortes. CHEGA.

Nós da Bad Robot somos gratos aos vários estudiosos, ativistas, organizadores e líderes lutando nas linhas de frente da mudança em nosso país sistemicamente injusto. É essa constelação de pensadores e feitores que têm o projeto para uma união mais perfeita, justa, igualitária e gentil.

Nesses tempos de fragilidade, palavras importam, ouvir é crítico e investimento é necessário.

Os séculos que negligenciaram e abusaram de nossos irmãos e irmãs negros só podem ser tratados por um investimento escalável. Uma revisão maciça e ponderada sobre a política tributária, uma que efetivamente conheça as necessidades de muitos nesse país, não só os poucos, está muito atrasada.

Filantropia corporativa e privada nunca pode alcançar o impacto necessário para tratar dessas desigualdades sistêmicas, mas como empresas e indivíduos capazes, devemos fazer o que pudermos até nossos líderes políticos tomarem a frente.

Entre Bad Robot e a fundação famíliar Katie McGrath e JJ Abrams, nos comprometemos à um adicional de US$ 10 milhões pelos próximos 5 anos para organizações e esforços utilizados nos ideais antirracistas que preenchem os vãos, elevam os pobres e constroem uma América justa para todos. Estamos honrados em anunciar que os primeiros US$ 200 mil investidos serão destinados às seguintes organizações: Black Futures Lab, Black Lives Matter LA, Community Coalition, Equal Justice Initiative e Know Your Rights Camp.”

Em 25 de maio de 2020, George Floyd, já sob custódia foi sufocado até a morte pelo oficial com o joelho e o assassinato foi filmado por pessoas em volta. A brutalidade da ação gerou uma onda de protestos ao redor do país e diversas empresas do ramo do entretenimento repudiaram o racismo demonstrado pela polícia.