Donos de uma sonoridade única e verdadeiramente contagiante, Maroon 5 é considerada uma das bandas pop mais bem-sucedidas da atualidade, tendo conquistado o primeiro de três Grammy em 2005, na categoria de “Best New Artist”. Desde então, venderam mais de 17 milhões de álbuns em todo o mundo, alcançando o Ouro e a Platina em 35 países. Com realização da Like Entretenimento e Hits Entretenimento, o grupo californiano que adora tocar um dos hinos brasileiros “Garota de Ipanema” desembarca pela segunda vez em Curitiba para uma apresentação memorável no próximo dia 14 de setembro, no Estádio Couto Pereira (R: Ubaldino do Amaral,37) às 22horas. Esta será a terceira vez que a banda vem ao Brasil e o show na capital paranaense será o único no país, além do Rock In Rio 2017.

A banda esteve em turnê no Brasil em 2016, com V Tour, que lotou os espaços com fãs de todos os lugares do país e afirmou que as apresentações feitas para o público da América Latina foram as melhores dos últimos tempos.

Songs About Jane é o álbum de estreia da banda de Adam Levine (vocal), James Valentine (guitarra), Jesse Carmichael (teclado), Matt Flynn (bateria), Mickey Madden (baixo) e PJ Morton (teclado), e o que lhes garantiu uma entrada direta para a playlist dos fãs e para a admiração da crítica, ao conseguirem criar uma melodia única, que combina rock com R&B. O sucesso dos Maroon 5 não foi diferente no lançamento do segundo álbum, que alcançou a dupla platina, It Won’t be Soon Before Long, do qual se destacam os hits “Makes Me Wonder” e “If I Never See your Face Again”. Em 2010 lançaram o seu terceiro álbum de estúdio, Hands All Over, com dois dos seus principais hits: “Misery” e “Moves Like Jagger”. Ambos os singles garantiram à banda a conquista do Grammy na categoria “Best Pop Performance By A Duo Or Group With Vocals” e “Moves Like Jagger” alcançou o topo do ranking de bestsellers de 2011 (8.5 milhões de cópias vendidas em todo o mundo) e o topo dos singles mais vendidos de todos os tempos. E foi neste momento que o vocalista dos Maroon 5, Adam Levine, também alcançava o estrelato tornando-se o primeiro artista, em 53 anos, a alcançar a primeira colocação dos rankings como membro de um grupo e, simultaneamente, como artista solo — por sua participação (como convidado e coautor) em “Stereo Hearts”, da banda também americana Gym Class Heroes.

Em 2012, o Maroon 5 lançou o álbum Overexposed e tornou-se a banda mais colocada em primeira posição no TOP 40 (seis, no total). Paralelamente, a turnê para promover este mesmo álbum foi um sucesso mundial e gerou uma receita de venda de bilhetes de cerca de 50 milhões de dólares. O último álbum dos Maroon 5 – V -, lançado em 2014, que logo em seu lançamento ocupou o número 1 da Billboard Top 200, é uma compilação sonora da trajetória da banda, reflete a essência dos primeiros hits, mistura o som atual e traz a visão do Maroon 5 do futuro.

Para as duas únicas apresentações em solo brasileiros hits como “Sugar”, “Lucky Strike”, “Moves Like Jagger”, “Payphone”, “She will Be Loved” e “Lost Star” devem fazer parte do set list.