A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas anunciou mudanças no regulamento de classificação de filmes para o Oscar. Devido as mudanças causadas pela pandemia do coronavírus, a entidade não exigirá mais que produções sejam exibidas nos cinemas antes de ao streaming ou on demand para buscar indicações ao prêmio. Ao invés disso, os longas deverão ser disponibilizados aos membros da Academia em um período de até 60 dias após a estreia.

A Academia também passa a reconhecer drive-ins como salas de cinema comuns, onde as estreais foram planejadas para estabelecimentos tradicionais seguindo a mesma regra de sete dias seguidos de exibição aplicada há anos pela entidade.

Vale lembrar que em setembro, a Academia anunciou um novo regulamento que visa aumentar a representatividade em grandes produções de Hollywood – confira.