Chega aos cinemas esta quinta o tão esperado “Deadpool” da 20th Fox! Nós já vimos, e vamos contar o que achamos do longa.

Baseado no anti-herói não convencional da Marvel Comics, Deadpool conta a história da origem do ex-agente das Forças Especiais que se tornou o mercenário Wade Wilson. Depois de ser submetido a um desonesto experimento que o deixa com poderes de cura acelerada, Wade adota o alter ego de Deadpool. Armado com suas novas habilidades e um senso de humor negro e distorcido, Deadpool persegue o homem que quase destruiu sua vida.

As expectativas para o longa estão altas por parte de todos os fãs e não fãs. Bom, um filme ousado e com um roteiro admirável (por Rhett Reese e Paul Wernick) Deadpool arriscou, mas acertou em cheio. Quero dizer, todos estávamos esperando algo novo (não precisamente inovador, mas diferente) e tivemos exatamente isso.

Um filme hilário e nada serio conseguiu me prender do começo ao fim, e teve seu drama de uma maneira bem contada sem fazer enjoar das piadas a todo momento.

Ryan Reynolds fez um ótimo trabalho, Deadpool certamente será o papel de sua vida, e Stan Lee, claro, teve seu momento, talvez o mais ousado até agora…

Depois do erro da Fox com a produção do “Quarteto Fantástico” agora temos a recompensa com esta produção, hilária, bem feita e muito zoeira!

Vale o ingresso, (dica: veja em IMAX), a classificação esta em 16 anos, e se prepara para um filme que você vai querer rever mais duas ou três vezes no cinema. Ah, e não se esqueça de ficar até os créditos finais!